Pular para o conteúdo principal

Banana Roxa: Você conhece?

Banana São Tomé: A mais exótica  tem casca roxa, mas há também outro tipo, de casca amarela, ambas curtas e de diâmetro amplo. A polpa é doce, amarelada e exala um cheiro forte, sendo por isso mais indicada para fritar ou cozinhar. 

A Ciência do beijo

Beijar é estranho... Vamos confessar: nós adoramos, mas se pensarmos bem, você está colocando sua boca aberta na boca de outra pessoa, trocando líquidos corporais e bactérias... Parece muito estranho mesmo, não é? Isto indica que deve existir um bom motivo para fazermos isto.


De acordo com pesquisadores de diversas áreas existem muitas boas razões para beijar muito!

Começando pelos olhos... Ao beijar, tudo começar pelos olhos.  Os lábios de humanos são únicos no mundo animal. Eles são expostos (evertidos) para chamar a atenção de parceiros, pois para beijar precisamos de duas pessoas. 

Um estudo mostrou que 8 em cada 10 mulheres passam batom na cor vermelha e parece que os homens são atraídos por isso. Macacos também chamam atenção com algo parecido, porém, os lábios que eles observam ficam mais embaixo. Evolucionistas propõe que os lábios de humanos surgiram por causa da nova posição bípede que o ser humano arrumou e os lábio ficaram parecidos como as vaginas das fêmeas de nossos ancestrais. A observação sobre a fertilidade entre os humanos começou a ser feita cara a cara.


O beijo dispara uma reação incrível em nosso cérebro e músculos. Cinco dos 12 nervos cranianos são ativados e mais de uma dúzia de músculos trabalham conjuntamente para que um bom beijo aconteça. Um destes músculos, por exemplo, é o mesmo músculo que usamos quando ainda somos um bebê mamando no peito de nossas mães. A amamentação é um momento especial para o ser humano, pois o ato de mamar cria conexões entre mãe e filhos através do hormônio ocitocina.



A memória do uso deste músculo resgata os caminhos para a liberação deste hormônio relacionado com a criação de laços afetivos, portanto o beijo tem um papel muito importante psicologicamente falando e demonstra como a amamentação pode ser o primeiro indício sobre como o beijo surge como um gesto cultural presente em todos os grupos humanos do planeta.

Além disso, o olfato também tem um papel importante durante o beijo. Ao se aproximar para dar aquela "bitoca" gostosa, nossos narizes se aproximam da outra pessoa e sentimos seus cheiros e também recebemos alguns químicos que apesar de indistinguíveis são bem particulares de acordo com os indivíduos (os feromônios).

O hálito também é importante porque ele indica a situação de saúde da pessoa beijada. Em muitas culturas, o beijo é registrado como primeiramente uma experiência olfativa, como o beijo de esquimó.



Para se ter uma ideia de que o beijo é tão importante, basta observar que os neurônios relacionados com a sensação da área dos lábios é incrivelmente maior que os neurônios do córtex somatosensorial relacionados com as genitálias.

Ainda sobre as experiências do beijo em nosso cérebro, o primeiro deles traz para o nosso corpo uma avalanche de novidades. Há um grande influxo de dopamina para o cérebro no mesmo caminho que algumas drogas estimulantes fazem. Ou seja, o beijo é com um antidepressivo. A adrenalina e noradrenalina se espalham na corrente sanguínea e seu coração bate mais forte, mandando uma quantidade maior de oxigênio para o cérebro. Além de fazer as pupilas dilatarem, o que pode ser um motivo para fecharmos os olhos enquanto nos beijamos.

Também há uma descarga de endorfina pela hipófise, que leva a um estado de euforia e a sensação de que o tempo passa de forma diferente. Outro benefício do beijo observado por pesquisadores é de que se dado durante vários dias seguidos, ele diminui o produto químico relacionado com o stress, o cortisol.



Portanto, beijar faz muito bem à saúde. Cria laços entre as pessoas e não depende de cor, sexo, religião, classe social ou posição política para deixar alguém mais feliz!


Veja também: Surpresa: homens gostam mais de carinho e beijos


Fonte: Biologiatotal


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Passo a passo: Como fazer sabão em casa

Para começar, tenha uma bacia como essa (20 litros) com 4 litros de água fria, 4 litros de álcool e 1 kg de soda cáustica tudo bem misturadinho. Aqui estou adicionando 2 litros de óleo de soja que já foi utilizado na cozinha, estou reaproveitando esse óleo (como costumam dizer: óleo usado). Isso torna o sabão ecologicamente correto Agora estou adicionando 4 kg de sebo bovino derretido e quente, mexa bem (você pode comprar no açougue). Mexa por cerca de 40 a 50 minutos. Após esse tempo ele estará liquido, mas terá uma película transparente por cima, então pare de mexer e deixe descansar por cerca de 10 horas.  Após as 10 horas ele vai estar assim; sólido. Vire a bacia, e desenforme.  (parece um bolo não é? )   Corte as barras e faça os tabletes conforme queira.   Olha aí!  rendimento; 13 k e 400 g de um sabão maravilhoso, supera em qualidade qualquer marca do mercado. Custo: 38 reais. Fica por R$ 2,84 o quilo.

Alongamentos: exercícios para aumentar a flexibilidade muscular que possibilita ampliar e agilizar qualquer movimento corporal

Quanto mais longo o músculo maior será a capacidade de movimentá-lo. Trás vários benefícios para a saúde em geral: diminui as tensões musculares; proporciona leveza nos movimentos; previne lesões musculares; estimula a circulação sanguínea e assim aumenta a capacidade de raciocínio; relaxa o corpo e a mente; melhora a respiração e ainda prepara o corpo para prática de qualquer atividade física para emagrecer. Por que fazer alongamento? Para equilibrar a musculatura e promover elasticidade corporal que é perdida quando se leva uma vida sedentária ou até mesmo quando se pratica pouca quantidade de exercícios físicos. Mas mesmo quem pratica bastante (exemplos: corrida, natação ou ciclismo) pode ter uma redução de flexibilidade.  Praticando ou não atividades físicas, fazer alongamento é imprescindível para evitar o encurtamento das fibras musculares, problemas na estrutura óssea, dores lombares ou qualquer lesão muscular. Como deve ser feito o alongamento? Antes de tud

Os 10 Peixes mais bonitos do Mundo

A imagem fascinante de raios de sol quentes inclinando-se em águas tropicais e quebrando de volta através da fachada viva da água, fornece uma experiência que fica na sua memória por toda a vida. 1. Mandarim O Mandarim … Ele vive em fundos ricos em limos e cascalho, de lagoas ou recifes de coral resguardados, alimentam-se de pequenos invertebrados do fundo, que captura projetando rapidamente as maxilas para fora. Embora não ultrapasse os 6 cm de comprimento, destaca-se pelas suas cores exuberantes e pelo padrão elaborado que lhe cobre o corpo. 2. Angel Imperador O Angel Imperador (Pomacanthus imperator) é um peixe jovem bem adptado a vida em cativeiro e com uma dieta rica e variada evitará que ele possa incomodar corais mais macios. Na fase adulta o peixe adquire coloração intensa muito vibrante. Estoque refere-se até a última atualização do site, estando sujeito a confirmação. Pode haver variação na coloração e formação devido cada animal ser único. 3. Peixe-Leão O Pe