Também pode lhe interessar:

In-feed

O homem que tem o coração no abdômen

O jovem chinês Ho Zhiliang, de 24 anos, passou a vida inteira com o coração batendo longe do lado esquerdo do peito, sob a sensível pele do seu abdômen. Zhiliang sofre com uma rara síndrome cardíaca congênita, que ocorre em 5 a cada 1 milhão de pessoas, e que costuma provocar a morte de mais de 90% dos pacientes durante o nascimento, ou logo depois. 
Como a região do abdômen não oferece proteção suficiente para o coração, uma simples pancada poderia matar o chinês. Quando Zhiliang nasceu, seus pais foram avisados de que ele não viveria muito tempo com o coração tão exposto – mas, surpreendentemente, o jovem sobreviveu. Depois que ele deixou a escola, encontrou um emprego como barbeiro e resignou-se a viver com a doença.

No entanto, no início deste ano, Zhiliang leu uma matéria sobre uma pessoa com uma condição semelhante que havia passado por uma cirurgia para colocar o coração na posição correta. Então, largou seu emprego e se mudou para Wuhan, na China, onde deve passar por uma cirurgia similar. Agora, os médicos estão planejando como poderão lhe ajudar.
A história que Zhiliang leu foi a do chinês Huang Rongming, que também passou toda a vida com o coração batendo sob seu abdômen, e, após a cirurgia, foi finalmente capaz de caminhar ereto sem perder o fôlego. Rongming não tinha condições de pagar pela operação, mas a grande cobertura da mídia chinesa permitiu que ele recebesse apoio para mudar de vez sua vida. 


Fonte: hypescience

Comentários

In-feed

Também pode lhe interessar:

Postagens mais visitadas deste blog

Passo a passo: Como fazer sabão em casa

Banana Roxa: Você conhece?

Os 10 Peixes mais bonitos do Mundo

O fascínio da Lua...

Alongamentos: exercícios para aumentar a flexibilidade muscular que possibilita ampliar e agilizar qualquer movimento corporal

Víbora Rinoceronte (Bitis nasicornis)