Saturday, August 2, 2014

Conheçam Shrek, o carneiro que escapou da tosquia por 6 anos e virou “celebridade” devido à enorme quantidade de lã

Shrek é da raça das ovelhas Merina, um macho castrado, pertencente a Ilha do Sul, na Nova Zelândia.

Ele ganhou fama internacional em 2004, devido ao seu casaco gigantesco de lã. Shrek tornou-se popular depois de escapar de seu estábulo e dos tosquiadores por seis anos, escondendo-se em cavernas.
Ovelhas Merina, geralmente, são tosquiadas anualmente, exceto o sagaz Shrek. Quando ele foi finalmente capturado, estava irreconhecível. "Parecia uma criatura bíblica", disse John Perriam, proprietário do animal.
Ao contrário de ovelhas primitivas, as Merinas, que são raças domésticas, têm a lã em constante crescimento, até que sejam cortadas. Durante seus dias de vida em cavernas, Shrek criou um amontoado de lã de 27 kg, cerca de seis vezes a média de lã produzida por um carneiro Merino. Havia lã suficiente para fazer ternos para 20 homens de grande estatura.
Shrek caiu na internet e suas fotos se espalharam pelo mundo. Ele foi tosquiado ao vivo pela rede nacional de televisão da Nova Zelândia, e sua lã foi leiloada para arrecadar fundos para instituições de caridade médicas de crianças.
Ele “conheceu” a então primeiro-ministra da Nova Zelândia, Helen Clark, e virou personagem de livros infantis e de apresentações feitas em orfanatos.
Dois anos e meio após o primeiro evento de TV ao vivo, Shrek passou por outro corte ao vivo, desta vez em um iceberg flutuante, fora da costa de Dunedin, Nova Zelândia.
Shrek morreu em 2011 com dezesseis anos de idade e uma história a ser lembrada pelo povo neo-zelandês que ultrapassará gerações.



Veja também: Conheça Lil Bub: A gatinha celebridade, que virou tema de documentário


Fonte: JornalCiencia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...