Friday, April 11, 2014

Uma aspirina por dia diminui o risco de mortes por câncer

Um extenso estudo mostrou que efeito protetor ocorre principalmente em relação a doenças do trato gastrointestinal.
Mais um estudo identificou os benefícios da aspirina em relação ao câncer. Dessa vez, pesquisadores da Sociedade Americana do Câncer concluíram que o remédio, além de reduzir o risco dessa doença e também de problemas cardiovasculares, como outros trabalhos anteriores sugeriram, pode diminuir o número de mortes provocadas pelo câncer. 

A pesquisa, feita com mais de 100.000 pessoas, foi publicada na edição deste mês do periódico Journal of the National Cancer Institute.

Participaram desse estudo homens e mulheres com mais de 60 anos que não eram fumantes. Segundo os resultados, aqueles que disseram tomar uma aspirina ao dia apresentaram um risco 16% menor de morrerem em decorrência de algum câncer em comparação aos participantes que nunca faziam uso do medicamento. O benefício foi maior entre os homens e em relação a cânceres associados ao trato gastrointestinal, como o de cólon e o de estômago.

Os pesquisadores explicam que como os resultados não se baseiam em um ensaio clínico, mas sim em questionários feitos entre os participantes, é possível que, além da aspirina, outros fatores tenham contribuído para esses dados. Mesmo assim, o coordenador do estudo, Michael Tun, acredita que os achados podem favorecer as diretrizes em relação ao uso da aspirina. “As conclusões sobre os efeitos da aspirina em relação à doença são muito encorajadoras, mas, embora os estudos estejam avançados, é preciso ressaltar que ainda estão em andamento”, diz o pesquisador.

Conheça a Pesquisa:


Título original: Daily Aspirin Use and Cancer Mortality in a Large US Cohort

Onde foi divulgada:  periódico Journal of the National Cancer Institute

Quem fez: Eric Jacobs, Christina Newton, Susan Gapstur e Michael Thun

Instituição: Sociedade Americana do Câncer 

Dados de amostragem: 100.139 pessoas com mais de 60 anos

Resultado: Em comparação com pessoas que nunca tomam aspirina, ingerir um remédio por dia reduz o risco de mortes por câncer em 16%, especialmente entre o sexo masculino e em relação a cânceres como o de intestino e o de cólon.



As informações contidas neste artigo têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação.
Consulte sempre o seu médico antes de tomar qualquer tipo de medicação.




Veja também: Vitaminas e Minerais: onde mora o perigo?


 

Fonte: Veja/Abril

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...