Thursday, April 24, 2014

Conheça as temidas doenças de inverno I

Alergia - é uma resposta imunológica exagerada, isto é, ocorre quando nosso organismo reage com exagero a alguma substância estranha. Em geral, ela tem motivação genética.
Sintomas - As alergias típicas do inverno são as respiratórias, e seus sintomas são a tosse, a coriza e a coceira nos olhos, na garganta e, muitas vezes, na pele.


 Agentes - Os causadores das alergias variam muito: podem ser alimentos, tecidos, pelos ou penas de animais, poeira, mofo, pólen etc. No inverno, os mais comuns são o mofo e a poeira.
Prevenção - A primeira providência é descobrir a fonte da alergia, que deve ser diagnosticada por um médico especialista em alergias. Depois, é preciso encontrar meios de ficar longe do agente causador da alergia.
Tratamentos - Devem ser sempre prescritos por médicos, e podem incluir remédios antialérgicos, cortisona e, em alguns casos, vacinas que dessensibilizam o organismo.


 Asma (também conhecida como bronquite asmática ou bronquite alérgica) - é uma doença que congestiona os brônquios, impedindo que o ar chegue até os pulmões. Pode ser causada por diversos fatores, e ocorre em cerca de 10% da população brasileira, sendo mais frequente nas crianças.
Sintomas  - Os principais sintomas da asma são a falta de ar e o chiado na respiração.
Agentes - A asma pode ser causada por uma reação alérgica ou por infecção das vias respiratórias.
Prevenção - Ficar longe dos agentes alérgicos e, em casos mais graves, tomar a medicação preventiva, prescrita pelo médico.
Complicações - A asma pode causar enfisema pulmonar e morte por insuficiência respiratória.
Tratamentos - Os tratamentos de emergência só podem ser dados por médicos, e incluem a famosa bombinha, a nebulização e medicação.


Bronquite - é uma reação inflamatória dos brônquios que impede o ar de chegar aos pulmões.
Sintomas - Catarro, tosse seca e com chiado. Com o agravamento, há tosse com escarros, dor atrás do osso do peito, fadiga, mal-estar geral e febre.
Agentes - Os causadores da bronquite podem ser alergias, irritações causadas pela fumaça ou pelo fumo, infecções respiratórias ou agentes ambientais, como a neblina.
Prevenção - Não se deve fumar ou permanecer em ambientes poluídos.
Complicações - A doença pode progredir para uma pneumonia.
Tratamentos - O tratamento depende da causa da bronquite, e só pode ser prescrito por médicos. Em geral, é feito com expectorantes (para eliminar o catarro), inalação e, no caso de haver uma infecção, com antibióticos.


Faringite - é uma inflamação da faringe (área da garganta que está situada entre as amígdalas e a laringe). A doença pode tanto ser o primeiro sintoma de um simples resfriado quanto de um problema mais grave, como uma virose chamada mononucleose, muito comum em crianças.
Sintomas - Os sintomas da faringite são a sensação de garganta arranhada, febre, pus na garganta, dor de ouvido e dificuldade para engolir.
Agentes - A faringite que acontece subitamente, também chamada de faringite aguda, pode ser causada por bactérias ou por vírus. Já a faringite que dura um longo tempo, chamada de faringite crônica, ocorre quando uma infecção se espalha de outro lugar (como o nariz) para a faringe.
Prevenção - Não fumar, não permanecer em ambientes poluídos, não dividir copos e talheres.
Complicações - A doença pode evoluir para infecções mais graves, como a meningite.
Tratamentos - Deve ser prescrito por um médico, e inclui analgésicos, pastilhas, antitérmicos e, eventualmente, antibióticos.


Gripe - é uma doença muito contagiosa que ataca as vias respiratórias (nariz, garganta e pulmões) e é causada por um vírus chamado Influenza. Não existe remédio para curá-la, mas sim para aliviar seus sintomas. Se não houver complicações, tende a passar sozinha.
Sintomas - Febre alta, dores musculares e articulares, dores de cabeça e inflamação dos olhos.
Agentes - Vírus Influenza, que é transmitido pelo ar através de gotículas de saliva.
Prevenção - A melhor prevenção contra a gripe é tomar a vacina todos os anos, pois o vírus é mutante, aparecendo de forma diferente a cada ano. Mas também é possível preveni-la melhorando as defesas do corpo através do calor e da boa alimentação. Por ser uma doença muito contagiosa, deve-se evitar a permanência em ambientes fechados. Saiba mais sobre a vacina.
Complicações - Habitualmente sem maiores consequências, a gripe pode ser grave, principalmente para as pessoas idosas ou debilitadas por doenças crônicas. Pode evoluir para pneumonia e para a meningite, além de graves infecções respiratórias, o que pode levar o paciente à morte.
Tratamentos - Deve ser prescrito por um médico, e inclui repouso, boa alimentação e remédios para aliviar os sintomas, como analgésicos, antitérmicos, descongestionantes e vitamina C.


Laringite - é a inflamação da laringe (região da garganta onde estão as cordas vocais). Trata-se de uma doença que pode aparecer sozinha, ou também ser um sintoma de bronquite, pneumonia e de outras infecções respiratórias.
Sintomas - A laringite não causa muita dor, mas provoca rouquidão e tosse seca. Em geral, a voz do doente vai enfraquecendo ao longo do dia.
Agentes - Os causadores da laringite podem ser vírus, bactérias e agressões ambientais como bebidas muito geladas.
Prevenção - Não fumar, não tomar bebidas geladas, não compartilhar talheres e copos, repousar a voz, dormir bem, não gritar.
Complicações - Progredir para infecções maiores (como a meningite) ou provocar graves problemas na voz.
Tratamentos - Devem ser prescritos pelo médico. Podem incluir desde o repouso até o uso de antibióticos.


Fonte: saúde/terra
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...