Friday, February 21, 2014

Zoológico da Dinamarca sacrifica filhote de girafa saudável

Apesar de petição com milhares de assinaturas, zoológico matou animal, na frente de crianças, para servir de alimento aos leões.
Um filhote de girafa de 1 ano e meio, em perfeito estado de saúde, foi sacrificado no domingo (9) em um zoológico da Dinamarca.
A ação do zoológico de Copenhage gerou uma onda de protestos de defensores de animais.

O filhote macho, de nome Marius, foi morto e seu corpo foi dissecado na frente de visitantes, que estavam previamente autorizados a assistir o procedimento.

Entre os visitantes, havia dezenas de crianças.

Depois, os pedaços do animal foram dados aos leões.

Todo o processo foi filmado e colocado ao vivo na internet. Há um vídeo da morte no site do The Guardian.

No site da Time, há um vídeo da girafa sendo comida pelos leões.

No vídeo aparece as crianças olhando o animal sendo sacrificado, cortado aos pedaços e seus pedaços sendo devorado por leões.

O zoológico explicou que a girafa não poderia crescer ali, para não haver consanguinidade entre exemplares da espécie – o que poderia causar problemas genéticos nos próximos animais.

Como a castração ou a reintrodução na natureza também poderiam ter efeitos colaterais graves no animal, optou-se por sacrificá-lo e dá-lo como alimento.

O procedimento esteve de acordo com um protocolo europeu sobre a procriação de animais em cativeiro.

O sacrifício foi levado adiante mesmo com uma petição que tinha recolhido mais de 27 mil assinaturas contra a eutanásia.

O diretor científico do zoológico, Bengt Holst, disse à BBC que recebeu ameaças de morte depois de anunciar a decisão de sacrificar o animal.

Diversos outros parques e zoológicos se ofereceram para receber Marius, mas os biólogos dinamarqueses disseram que em todos o problema da proximidade genética com outros animais persistiria.



Veja também: Cão com feições humanas é salvo momentos antes de ser sacrificado nos EUA


Fonte: exame/abril


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...