Saturday, February 1, 2014

Isola Bella no Lago Maggiore - Itália

É uma das ilhas do arquipélago das Ilhas Borromeu, na parte alpina do Lago Maggiore, a cerca de 400 metros de Stresa, no Piemonte em Itália. A Isola Bella tem 320 metros de comprimento por 400 metros de largura e é completamente ocupada pelo Palácio Borromeu e pelos seus jardins ao estilo italiano.


 A ilha alcançou o seu apogeu de sucesso social durante o período de Giberto V Borromeo (1751 – 1837), quando a visitaram importantes convidados como Edward Gibbon, Napoleão e a sua mulher Josefina de Beauharnais, e a Princesa de Gales Carolina de Brunswick.
Isola Bella é hoje uma grande atração turística, com serviços de ferry-boat regulares a partir de Stresa, Baveno, Pallanza e Intra. É palco do festival anual de música de Stresa. Seu nome significa Ilha Bela em italiano. Nada mais apropriado para esta linda e pequena ilha (com apenas 320 x 400m) que se localiza no lendário Lago Maggiore – um lugar bem legal para se visitar na Itália. 
Na ilha, quase todo o seu território é ocupado pelo palácio e jardins inacreditáveis, localizados ao redor do parque. A ilha era propriedade da influente família Borromeo. As estruturas arquitetônicas na ilha ganharam destaque depois de Charles III (1586-1652 – que era membro da família Borromeo), construir o palácio, como um presente para sua esposa Isabella. Desde 1636, a ilha se tornou Isola Bella graças a redução fonética de “Ilha” e “Isabella”.
Na construção do palácio e dos jardins suspensos, estavam envolvidos Angelo Crivelli, Francesco Castelli, e final do século XVII Carlo Fontana. No século XVIII, a ilha Bella ficou popular entre os aristocratas que viajam para a Itália, que a usavam como residência temporária. Entre os ilustres moradores estão ninguém menos que Napoleão e Josefina.

Veja também: Vlla d' Este em Tivoli - Itália
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...