Sunday, March 31, 2013

15 dicas sobre como atrair as mulheres em uma conversa


Como deixar as mulheres loucamente interessadas em você
Os homens não são ensinados a falar com as mulheres. Por isso muitos caras vão passar a vida  sem a capacidade de atrair uma mulher. Aqui estão 15 dicas para ajudar a garantir que você não cometa erros com as mulheres que você gostaria de atrair:
  1. Fale sobre assuntos "emocionais" como memórias de infância, ambições futuras, ou suas paixões . Esses tópicos de conversação vão abrir as comportas emocionais delas.
  2. As mulheres querem um cara que não tenha medo de conduzí-las. Ao falar para uma mulher, assuma o controle da conversa. Nunca espere que ela defina sobre o o que vocês vão conversar.
  3. Preste atenção aos sinais não-verbais que uma mulher está enviando. Se você está de pé muito perto dela fazendo-a se sentir desconfortável... ela irá enviar-lhe dicas sobre essa situação desconfortável. Preste atenção a eles.
  4. Lembre-se: "Diversão e não palhaçada." As mulheres são atraídas por homens que lhes permitem se divertir. Não se concentre em ter as piadas mais engraçadas. Concentre-se em divertí-las e não ser o palhaço da ocasião
  5. Provoque as mulheres. Uma das maneiras mais fáceis de tornar uma conversa divertida atraente é começar a provocar as mulheres. Mas preste atenção se essa provocação e a estimula e a interessa.
  6. Fique íntimo dela . Mulheres são atraídas por homens que não têm medo de tornar uma conversa pessoal e íntima.
  7. Fale sobre elas. As mulheres adoram ouvir opiniões sobre si mesmas. Diga a ela o que você observa nela.
  8. Evite muitos elogios. Mulheres gostam de elogios mas ficam entediadas se forem excessivos. Ela vai pensar que você só está tentando impressioná-la e não sendo verdadeiro. E terá o efeito oposto.
  9. Não entreviste. Se você quer saber como falar com as mulheres de uma forma que não as deixe entediadas... Evite fazer muitas perguntas do tipo "entrevista". Em vez disso, faça uma observação sobre assuntos que possam interessá-la. Evite concentrar em assuntos "seus". Foque em assuntos "para elas".
  10. Lembre-se: Dê sua opinião sobre os assuntos. Em vez de dizer "De onde você é?" Diga "Você não parece ser daqui." Isso lhe permite fazer observações sobre ela e expressar sua personalidade.
  11. Não esconda a sua personalidade. Não tenha medo de falar sobre o que você gosta de fazer, suas paixões, realizações, etc.
  12. Evite elogiar o corpo dela, roupa ou qualquer coisa que possa ser interpretado como sexual. Deixe isso para quando for a hora certa.
  13. Deixe claro suas intenções. Diga algo de uma forma que a permita perceber que você se sente atraído por ela. Se você não fizer isso, você corre o risco de ficar na "zona de amigo".
  14. Use conversa do tipo "jogos" para manter a diversão, humor e a paquera. Divirta-a com jogos como "verdade ou desafio" ou o jogo das "5 perguntas".
  15. Não seja fácil. Mulheres gostam de homens que são um desafio ou misteriosos. Se você quiser manter o interesse de uma mulher, ela tem que se sentir como se estivesse conhecendo você lentamente e descobrindo coisas que julga que ninguém mais sabe sobre você. Se ela achar que te tem muito fácil... ela vai perder o interesse.

A melhor maneira de pensar em como falar com as mulheres é pensar sobre que tipo de conversa divertida e interessante você quer manter com ela. Conversar com uma mulher não tem que ser difícil. Você só precisa estar ciente do que as deixam interessadas e o que as deixam entendiadas e desinteressadas. Antes de tudo, seja genuíno, inteligente e sincero, depois, siga a lista acima e você vai se dar muito bem.

Fonte: LoLFanatic
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comer chocolate reduz o apetite por doces e pode fazer bem para a saúde

Porém, médicos alertam para valor calórico do doce, que exige cuidado.
Dica é optar sempre pelos mais amargos, que tem maior quantia de cacau.

Chocolate é uma delícia e é praticamente impossível encontrar alguém que não goste. Apesar de seu valor calórico, o chocolate tem também substâncias que fazem bem à saúde que justificam seu consumo regular e constante - recomenda-se que sejam consumidos de 20 a 40 gramas por dia, preferencialmente os que tenham mais de 60% de cacau, que são os meio amargos e amargos.

O endocrinologista Alfredo Halpern explicou que o doce pode melhorar o humor, reduzir o apetite pode doces, diminuir o colesterol ruim (LDL) e ainda ajudar no bom funcionamento do coração. De acordo com o médico, estudos populacionais mostram que o doce ajuda também na prevenção de doenças cardiovasculares e até mesmo diabetes, por causa de uma substância chamada flavonóide, que funciona como protetora cardiovascular e ajuda a reduzir a formação de placas de gordura.

Os flavonóides têm também propriedades anticancerígenas e são eficazes na prevenção da úlcera gástrica, como alertou o endocrinologista. Porém, para adquirir esses benefícios, a nutricionista Vanderli Marchiori explica que o meio amargo é a melhor opção já que tem maior concentração de flavoinoides e antioxidantes, sendo o mais indicado na prevenção das doenças mencionadas pelo endocrinologista.

Os antioxidantes, inclusive, são extremamente importantes porque combatem os radicais livres responsáveis pelo entupimento das artérias e também ajudam a reduzir o colesterol total e os triglicérides. Em uma pesquisa feita pela Universidade de Cornell, foi constatado que o chocolate quente tem ainda mais antioxidantes do que o chá preto e o chá verde, o que mostra a relevância do doce.

Além disso, o chocolate melhora e estimula atividade psicoativa do cérebro, mantendo estável a serotonina, neurotransmissor regulador do humor. Outras substâncias importantes, chamadas alcaloides, como a cafeína e a teobromina, também estimulam o sistema nervoso, melhoram a concentração e dão energia. O endocrinologista explicou ainda que ele pode ser eficiente no alívio dos sintomas da TPM nas mulheres, mas é preciso tomar cuidado sempre com a quantidade ingerida.

Por fim, a dica da nutricionista Vanderli Marchiori é sempre observar o rótulo para ver se há a presença de manteiga e pasta de cacau - quanto mais, melhor e maiores serão os benefícios do produto à saúde.

Além disso, ao ler os ingredientes, é bom saber que o primeiro da lista é o que está em maior quantidade no produto e, se for o caso do açúcar, é preciso reduzir o consumo.


Fonte: G1 - Globo


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Lontras

Lontra-europeia (Lutra lutra), também conhecida como lontra-euroasiática, lontra-comum ou lontra-do-Velho-Mundo, é uma espécie de lontra da família dos mustelídeos. Juntamente com outras duas espécies, a Lutra maculicollis e a Lutra sumatrana, formam o gênero Lutra. O seu habitat situa-se na Europa Ocidental, Ásia e no Noroeste Africano. Vivem em lagos, rios, riachos e lagoas, e raramente aparecem no litoral. 

Lontra-do-rio-norte-americana - Lontra canadensis é um mamífero de água-doce da América do Norte, presente ao longo de seu interior e litoral. Uma lontra adulta pode pesar entre 5 e 14 kg. A Lontra é protegida e isolada por uma pelagem espessa e repelente de água na pele.
 

Lontra (Lontra longicaudis) - É um animal que pertence à ordem carnívora, e que habita a região de rios e lagos. Sua distribuição geográfica ocorre do nordeste do México ao Uruguai e à província de Buenos Aires na Argentina. Possui 820 mm de comprimento, a cauda chega a 570 mm e seu pêso pode variar, mas no máximo chega a 15 kg. 
 


Lontra-marinha (Enhydra lutris) - É um mamífero marinho nativo para as costas do norte e do leste do Oceano Pacífico. Lontras-marinhas adultas pesam tipicamente entre 14 e 45 kg, tornando-os mais pesados dos membros da família Mustelidae, mas entre os pequenos mamíferos marinhos. 
Diferentemente da maioria dos mamíferos marinhos, a forma primária de isolamento da lontra-marinha é um casaco de peles grossas, excepcionalmente, a mais densa no reino animal. Embora possa andar sobre a terra, essa lontra vive principalmente no oceano.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Lagarta caveira da Nova Guiné

Essa é a Phyllodes Imperialis, uma lagarta que tem um desenho de uma caveira gigante e olhos aterrorizantes em sua cabeça. Parece uma pintura, mas não é.
Phyllodes imperialis caterpillar
Phyllodes imperialis caterpillar
O objetivo é esse mesmo: assustar os coleguinhas, ou melhor, espantar os predadores. Depois, quando a lagarta estiver pronta e livre de virar comida de outros animais, ela abandona a cara de caveira e vira uma mariposa bem bonita.
Phyllodes imperialis caterpillar
Essa espécie pode ser encontrada nos estados de Queensland e New South Wales, na Austrália, e em algumas regiões da Papua Nova Guiné.
Phyllodes imperialis caterpillar
Phyllodes imperialis caterpillar

Veja o resultado da transformação abaixo: 


Fonte: info abril
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Saturday, March 30, 2013

Caminhos pelo mundo

 Caminhos de bambu - Japão - Está localizado na área de Arashiyama Sagano de Kyoto (cerca de 25 minutos do centro de Kyoto). É uma bela floresta com um caminho através do seu coração. As cercas ao lado dos caminhos ainda são feitas a partir dos galhos de caídos hastes de bambu como costumavam ser em todos os lugares no Japão continental.
 Os percursos de pedestres atravessam os bosques de bambu, é uma boa caminhada ou passeio de bicicleta. Os bosques são particularmente atraentes quando há um vento e os talos de bambu altas balançam suavemente para trás e para a frente .  

 Caminho Grande Muralha da China -  As principais portas de acesso à muralha são as Portas de Shanhai, Juyong e Niángzi. Por ter sido construída ao longo de várias dinastias, a parte mais antiga da muralha está situada em Nanyang, na Província Henan e remonta ao séc. III a.C.
Um dos caminhos mais autênticos de Jinshanling para Simatai , é uma caminhada de cinco horas ao longo de sua maioria sem conservação. Mas a vista é deslumbrante sobre as montanhas cobertas de florestas, vales verdejantes.
Esta grandiosa estrutura tem acesso em vários pontos e cada um deles com uma paisagem única e inesquecível. Segundo anunciaram cientistas chineses, o comprimento total da muralha é de 8.850 km.

Caminho Santorini - Grécia - Em 1715 , os habitantes da ilha construiu um caminho áspero para o lado da montanhae para que pudessem caminhar até o cume. Em pouco tempo, os burros foram convocados para ajudar a transportar carga e passageiros. Em 1930, a passarela foi melhorada e mais burros foram adicionados para ajudar.  
 Finalmente, em 1979 , um teleférico foi instalado para automatizar o processo, mas o passeio mais divertido ainda é o de burro. A passagem em ziguezague do mar a cidade é pavimentada em pedra, e por causa das muitos ziguezague, a distância é de 1300 metros. 
Caminhos Plitvice Lakes - Croácia - O croata Parque Nacional dos Lagos Plitvice, foi incluído na UNESCO lista de Património Mundial em 1979, é muito conhecida por seus lagos e cachoeiras, duas trilhas foram abertas: a "Plitvica" e a "Corkova Uvala". 
 Os caminhos estão marcados com placas de informação e regras do Parque. Com a ajuda de guias locais e placas de informação que têm sido colocados ao longo das duas vias, os visitantes têm a possibilidade de conhecer a riqueza da diversidade biológica do Parque.


San Juan de Gaztelugatxe - Só pode ser visitada a pé, após subir uma longa escadaria (cerca de 231 degraus), do qual poderá ver as falésias grande parte do Golfo da Biscaia. San Juan de Gaztelugatxe é um ilhéu na Costa de Biscaia, pertencente ao município de Bermeo, no País Basco (Espanha). 
 Encontra-se ligado ao continente por estreita língua de terra e de longe, na verdade, parece uma ilha. É um dos lugares mais impressionantes da Costa de Biscaia, e apresenta no seu cume uma ermida do século x dedicada a São João Batista e com vistas magníficas. 

Fonte: 
the world geography
maryvillano 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Os melhores lagartos de estimação

Os lagartos são répteis cada vez mais populares no mercado de animais de estimação. A designação lagarto tem sido usada como sinónimo da sub-ordem dos Sáurios, Sauria ou Lacertilia, que exclui as cobras. Os lagartos são na sua maioria animais com escamas e quatro patas, com a devida excepção feita aos licranços, que apesar de serem lagartos perderam os membros no seu processo evolutivo.
A variedade entre as famílias de lagartos é muita: existem mais de 5 mil espécies de lagartos espalhados por todos os continentes, excepto na gelada Antártica. Apenas uma pequena parte destes animais é comercializada como animais de estimação. Mas a variedade disponível tende a ser cada vez maior e nem todos os lagartos são indicados para iniciantes no hobby.
A lista abaixo contempla alguns dos melhores lagartos de estimação que foram classificados tendo em conta a docilidade do animal, a facilidade de alojamento e de alimentação e a disponibilidade no mercado.

1 – Gecko Leopardo (Eublepharis macularius)

O Gecko Leopardo é uma óptima escolha para iniciantes. É um réptil pequeno, tem entre 18 e 25 cm em cativeiro, e um par é facilmente alojado num terrário de 60 x 40 x 40 cm. Pouco agressivos, são bastante tolerantes ao manuseamento.

São animais insectívoros, tendo os grilos como base de alimentação. Contudo, aceitam uma grande variedade de insectos que deve ser introduzida na dieta para a tornar mais diversificada. Podem tornar-se animais dispendiosos pois devem ser alimentados até rejeitarem a comida. Comilões, os adultos chegam a ingerir 10 a 15 insectos por dia, de dois em dois dias.

É fácil encontrar um gecko leopardo à venda e existem vários padrões, ou fases. O difícil é escolher.

Vantagens

Por ser um animal nocturno, não necessita do mesmo tipo de iluminação de um réptil diurno, ou seja, a lâmpada UVB pode ser de fraca potência ou mesmo dispensada.

Desvantagens

Ser um animal nocturno tem também os seus inconvenientes, sobretudo no que diz respeito à compatibilidade de “horários” com o dono. Isto é, o período de maior grau de actividade destes lagartos é inverso ao da maioria dos humanos, o que significa que o dono está a dormir quando estas osgas estão mais activas.

2 – Dragão Barbudo (Pogona vitticeps)

O Dragão Barbudo ainda se pode considerar um animal pequeno tendo em conta as dimensões máximas no mundo dos lagartos. Com 50 a 60 cm, o Dragão Barbudo tem de ser alojado num terrário já com um tamanho considerável: 90 x 50 x 50 cm é o aconselhado para um adulto.

Sociável e bastante expressivo, o Dragão Barbudo torna-se o ideal lagarto de contemplação e talvez um dos melhores em termos de sociabilidade com o dono. Tolera bem o manuseamento e é um animal que interage bastante com o dono, tendo em conta o seu “sangue frio”. É bastante activo no terrário.

Omnívoro, o Dragão Barbudo alimenta-se tanto de insectos como também de vegetais, o que faz com que a dieta seja mais complicada de gerir por donos inexperientes. O rácio entre vegetais e insectos varia ao longo da vida e deve-se tentar implementar um plano alimentar diversificado.

O Dragão Barbudo é um animal que se encontra facilmente à venda.

Vantagens

Apesar de exigir alguns conhecimentos que podem ser de difícil absorção para os iniciantes, a alimentação diversificada do Dragão Barbudo pode tornar-se uma mais valia. O facto da sua dieta não ser composta apenas por alimento vivo faz com que parte da sua dieta, os alimentos verdes, sejam de fácil acesso para o dono.

Desvantagens

O alojamento do Dragão Barbudo exige um terrário maior do que no caso do Gecko Leopardo. Para além disso, por ser um animal diurno, é necessário comprar todo o equipamento de iluminação necessário (lâmpadas) para simular a luz do sol.

3 – Lagartos de língua azul (Tiliqua scincoides)

Existem várias espécies de lagartos de língua azul. A mais comum é o Tiliqua scincoides. Para este lagarto, os cuidados são muitos semelhantes aos do Dragão Barbudo:

* ambos são animais diurnos, necessitam do espectro total de lâmpadas;
* não há uma grande diferença em termos de comprimentos, o Lagarto de Língua Azul pode atingir os 60 cm, e por isso as medidas do terrário são as mesmas
* ambos são dóceis e permitem o manuseamento com alguma regularidade
* ambos são omnívoros, alimentando-se tanto de insectos, larvas, etc. como também de vegetais, embora as proporções de vegetais e proteína animal não sejam as mesmas.

Existem contudo várias diferenças. Apesar do temperamento dos répteis variar conforme os exemplares, o Lagarto de Língua Azul é mais calmo do que o Dragão Barbudo, embora não tão dócil. O Lagarto de Língua Azul costuma aceitar mais facilmente os vegetais enquanto jovem do que o Dragão Barbudo e por isso torna-se mais fácil de alimentar.

Mas a maior diferença entre estes dois animais é provavelmente o preço. O Lagarto de Língua Azul não é um animal difícil de encontrar no mercado dos répteis de estimação, mas é, em média, mais caro do que os anteriores. Não existem grandes variedades de cores nesta espécie, sendo que a variedade albina é a única que se distingue, mas é rara e dispendiosa.

Vantagens

O Lagarto de Língua Azul tem uma longa esperança média de vida: entre 18 e 20 anos, o que pode acabar por compensar o investimento inicial.

São também animais bastante resistentes, sobretudo enquanto crias, quando comparados com outros répteis. Uma das razões é o facto de não se desenvolverem em ovos, mas nascerem vivos já completamente formados.

Desvantagens

O Lagarto de Língua Azul tende a defecar mais do que o Dragão Barbudo, o que exige uma maior manutenção do terrário. Há quem defenda que por isso, estes animais se dão melhor em terrários de exterior, maiores e mais arejados, do que em terrários interiores.

4 – Iguana Verde (Iguana iguana)

Existem também muitas espécies de iguanas, que variam no comprimento, cor, entre outros aspectos. A Iguana Verde é talvez o réptil mais popular em Portugal e o que mais facilmente se encontra à venda, o que muito contribui para posição em que se encontra neste top. Para além disso, era difícil excluir o lagarto mais popular entre iniciantes de um top pensado para eles.

A Iguana é um réptil de grande porte, que pode chegar a atingir os 2 m de comprimento. De todos os animais neste top é o mais difícil de alojar no interior. Necessitam de um terrário grande, 3 x 2 x 2 m, no mínimo.

As Iguanas Verdes são animais territoriais e devido ao seu grande porte e unhas proporcionalmente grandes podem causar feridas algo profundas nos donos que não sabem interpretar os seus sinais de desconforto. São contudo animais que permitem um grau considerável de manuseamento e há donos que afirmam terem mesmo conseguido ensinar a iguana a fazer as necessidades num determinado local.

A Iguana Verde é herbívora, alimentado-se exclusivamente de alimentos verdes. Este tipo de alimentação tem vantagens, pois não exige a criação de alimento vivo ou a constante preocupação com a compra/encomenda e disponibilidade de insectos nas lojas, mas também desvantagens, pois é necessário preparar diferentes saladas diariamente.

Vantagens

A Iguana Verde é um dos animais mais fáceis de encontrar no mercado, sendo o preço bastante acessível.

O facto de a Iguana Verde ser um animal já bastante comum no mercado torna mais fácil encontrar informação e veterinários experientes nesta espécie.

São animais que toleram bem o manuseamento.

Desvantagens

O tamanho de uma Iguana Verde pode ser complicado de gerir na maioria das casas, já que poucas pessoas têm espaço para reservar um local de 3 m por 2 m num canto da casa.

A falta de informação sobre a Iguana pode degenerar em animais agressivos capazes de inflingir ferimentos graves no dono.

5 – Anolis Verde (Anolis carolinensis)

O Anolis Verde é o animal mais pequeno desta lista. Tem entre 15 e 18 cm, mas necessita de um terrário maior do que aquilo que se poderia pensar inicialmente. Estes répteis devem ser mantidos em grupo, um macho e várias fêmeas, e para um grupo de 4 animais, é necessário um terrário de 50 x 40 x 35 cm.

São animais dóceis, mas tímidos com humanos e não gostam de ser manuseados. Se estiverem confortáveis no terrário, dão bons animais de contemplação, já que se tornam mais extrovertidos.

O Anolis Verde alimenta-se de insectos e ocasionalmente larvas. São animais que comem muito pouco quando comparados com o Gecko Leopardo e o Dragão Barbudo, ficando-se por 2 grilos por dia, em média.

O Anolis Verde não é um animal particularmente difícil de encontrar e o único problema pode ser a aquisição, como convém, de vários exemplares para o mesmo terrário. Como são animais de que se reproduzem facilmente, não é difícil encontrar um criador com exemplares para venda.

Vantagens
Apesar de necessitarem de luz UVA/B não necessitam de lâmpadas muito potentes. A alimentação é económica.

Desvantagens

Os Anolis Verdes são répteis de contemplação e a interacção com o dono é muito reduzida.


Fonte: Arca de Noé


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O fascínio da Lua...

Nada é mais lindo do que uma noite de Lua Cheia... É pura magia, é irresistível... nos convida a sonhar, andar de mãos dadas na beira da praia, no campo ou na praça, com alguém que a gente ama...


Conhecida como a Lua dos apaixonados, a Lua Cheia é um espetáculo que todos adoram e não se cansam de apreciar. Linda, fascinante e misteriosamente envolvente. Quando é possível estar a beira mar, na areia, seu encanto é ainda maior. Não é preciso ser supersticioso pra render-se aos encantos de uma bela Lua Cheia.
Dizem que a Lua Cheia simboliza a plenitude, quando tudo aquilo em que apostamos atinge o seu nível máximo de potencialidade. Dizem também que o nosso inconsciente aflora com muito mais facilidade, que ficamos mais receptíveis, mais sensíveis às vibrações que nos envolvem. Dizem também que essa fase da Lua nos concede um certo poder, desde que o invoquemos e o saibamos reconhecer.
Desde a antiguidade que muitas coisas têm sido difundidas sobre a Lua. Muitas delas são mitos, outras porém, tenham tenham alguma coisa de verdade. Vamos analisar algumas:
  • Associada à fertilidade, diz-se que em noites de Lua Cheia registra-se um maior número de nascimentos. No entanto, os estudos e pesquisas têm sido contraditórios. Uns confirmam, outros nem por isso.
  • No campo, essa fase da Lua determina o momento de colher ou de podar.
  • Comportamento humano: tanto pode afetar o homem de maneira positiva ou negativa, dependendo da sua própria natureza. Até mesmo os loucos são chamados de lunáticos mas será mera coincidência? será que a Lua realmente afeta essas pessoas quando se encontra nesta fase? Que relação pode existir, afinal? difícil responder, mas que está "provado" que isso se verifica, está.
Também animais como gatos, cães e lobos podem ficar mais agitados nessa fase, e quem não conhece a lenda dos lobisomens que se transformam em noites de Lua Cheia? (há quem acredite que eles existem.)

A ciência tem buscado respostas para essa pergunta ao longo dos anos, e não tem sido fácil encontrar uma resposta cientifica para essas perguntas. 
Que a Lua afeta as marés todo mundo sabe, em seguida vem o Sol, com uma participação menor, mas a força gravitacional que o sol exerce sobre a terra é 175 vezes maior que a da Lua, e apesar disso a Lua ainda é a maior responsável pelas marés da Terra.
Nesse assunto, a ciência tem uma boa explicação: é nesse período que os astros Sol e Lua se alinham com a Terra. Isso explica o fenômeno da subida da água dos oceanos em todo o planeta.

Pode-se dizer do efeito de maré aqui na Terra como sendo a tendência de os oceanos acompanharem o movimento orbital da Lua, sendo que esse efeito causa um atrito com o fundo dos oceanos, atrasando o movimento de rotação da Terra em cerca de 0,002 segundos por século, e, como consequência, a Lua se afasta de nosso planeta em média 3 cm por ano.Tudo está ligado à força gravitacional que age sobre a Terra. Principalmente nas Luas Nova e Cheia. 
Outras curiosidades

O brilho da Lua, também conhecido como luar, não diminui para metade quando ela está em quarto. O seu brilho é apenas 1/10 do que ela tem quando está Cheia! Isso deve-se ao relevo da Lua: quando ela está em quarto as partes mais elevadas projetam sombras nas partes menos elevadas e reduzem a quantidade de luz solar refletida na direção da Terra.
Os antigos pensavam que a Lua fosse uma divindade que tinha uma vida independente daquela do Sol e que tinha, portanto, um poder próprio. Por ser associada à noite, domínio dos sonhos, dos terrores e também do amor, lhe eram atribuídos alguns poderes sobre os aspectos ocultos da vida. Ela apresentava ainda mais um caráter misterioso: aparecia e desaparecia a cada dia em tamanho e forma diferente e isto estimulava a imaginação. 
Sua sexualidade nos parece instintivamente feminina, mas em alguns países, como na Alemanha, a Lua é masculina: Der Mond. De fato, a humanidade não conseguiu uma unanimidade sobre a sexualidade da Lua. Na Síria, a Lua era masculina, mas a deusa romana da Lua, Diana que correspondia à deusa grega Selene, era feminina.

Os Árabes pré-islâmicos, os hindus, os Maias tinham um Deus masculino para reger o poder da Lua. Os chineses e os indonésios a consideram feminina!
Sua fases

Lua Nova 
a face iluminada não pode ser vista da Terra. A Lua está na mesma direção do Sol, e portanto está no céu durante o dia. A Lua nasce 6h e se põe 18h.

Lua Quarto-Crescente
metade do disco iluminado pode ser visto da Terra. Vista do hemisfério sul da Terra, a forma da Lua lembra a letra C (vista do hemisfério norte lembra a letra D).
Lua e Sol, vistos da Terra, estão separados de 90°. a Lua está a leste do Sol, que portanto ilumina seu lado oeste a Lua nasce meio-dia e se põe meia-noite

Lua Cheia
todo a face iluminada da Lua está voltada para a Terra. A Lua está no céu durante toda a noite, com a forma de um disco.
Lua e Sol, vistos da Terra, estão em direções opostas, separados de 180°, ou 12h. a Lua nasce 18h e se põe 6h do dia seguinte.

Lua Quarto-Minguante
metade do disco iluminado pode ser visto da Terra, como em Quarto-Crescente. Vista do hemisfério sul da Terra, a forma da Lua lembra a letra D (vista do hemisfério norte lembra a letra C).
Mas na verdade não estamos a fim de saber as explicações científicas das influências da Lua e sim reverencia-la por toda a sua beleza, fascínio e mistério, a Lua Cheia é puro encanto, e mesmo sem querer, ela faz fluir o lado místico de cada um... todos acabam por ver algo divino, a mão de um Ser Superior que planejou ou mesmo sem querer criou um lindo universo com extrema beleza em toda a Sua Obra. Inclusive na Lua ... Lua Cheia de Amor.

Animação com o movimento da Lua nascendo


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Caverna Orda - Russia

A entrada da Caverna de Orda está situada nos a leste da vila Horde Perm, na margem esquerda do rio Kungur, nas entranhas da montanha Kazakovo. A altura da montanha é de 50 metros em sua superfície há buracos grandes. 
Um dos buracos está localizado na encosta íngreme do rio, onde está a entrada para a caverna. Formada em gesso e anidrita a caverna possui uma pequena parte seca e sua grande maioria debaixo d'água. 
O comprimento da parte seca é de 300 metros enquanto a parte subaquática é de 4600 metros.  É a mais longa caverna alagada Rússia e considerada a maior caverna subaquática de gesso do mundo. 
Em 2008 foi classificada como patrimônio da humanidade pela UNESCO.  É a maior caverna de cristal de gipsita no mundo e tem uma série de lagos profundos. Estalactites de gelo, estalagmites e cristais formam a caverna no inverno.
Durante um período de seis meses, uma equipe de mergulhadores russos fez uma série de imagens que foram publicadas no livro Caverna Orda. A expedição foi liderada pelo experiente mergulhador, fotógrafo e jornalista Viktor Lyagushkin, que descreveu a caverna como 'excepcional'.
Parte da caverna está acima da água, mas sua maior parte está escondida embaixo d'água. A maior gruta tem 80 por 40 metros e 15 metros de altura. A caverna Orda foi descoberta em 1969, mas as explorações mais detalhadas começaram no início da década de 90.
 

Fonte: 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...