Saturday, June 1, 2013

O Inseto-folha - Bicho-folha

O inseto-folha, também conhecido como bicho-folha ou folha-que-anda é uma das imitações mais notáveis de todo o reino animal. Esses insetos têm a aparência de uma folha para evitar seus predadores. 
Como um dos melhores exemplos de valor adaptativo do mimetismo Batesiano (quando a espécie mimética e o modelo vivem no mesmo espaço geográfico), eles fazem isso com tanta precisão que os predadores muitas vezes não são capazes de distingui-los das folhas reais.
Em algumas espécies, a borda do corpo da folha do insetos ainda tem a aparência das marcas de mordida, visando confundir ainda mais os predadores. Se já não fosse o bastante, apreciar estes insetos em seu habitat representa todo um show: quando anda, os insetos balançam o corpo para trás e para frente, da direita para a esquerda, para imitar uma folha real que está sendo soprada pelo vento.
Foi documentada pela primeira vez pelo pesquisador Antonio Pigafetta, que navegou com o explorador Português Fernão de Magalhães e sua tripulação em sua viagem para as Índias, no século 15. Ele estudou e narrou a fauna da ilha de Cimbonbon quando o navio foi rebocado para terra para reparos. 
Durante esse tempo, documentou as espécies Phyllium com a seguinte passagem:  "Nesta ilha também são encontradas certas árvores, que têm umas folhas estranhas: quando caem no chão ganham vida e andam. São como as folhas da amoreira, mas não tão longas, pois têm o pecíolo curto e pontudo, e perto do pecíolo têm em cada lado dois pés. Se forem tocadas eles escapam, mas se esmagados não soltam sangue. Eu mantive uma folha por nove dias em uma caixa. Quando eu abri, nem tive tempo de olhar direito enquanto fugia. Eu acredito que elas vivem de ar"







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...