Saturday, June 1, 2013

5 dos menores e mais raros animais do mundo

A Ong Pacific Northwest Turtleworks encontrou uma tartaruga que de tão pequena cabe dentro de uma tampinha. Após enquete no Facebook, ela recebeu hoje o nome de Quinn. Confira esse e outros animais em “miniatura” - alguns já ameaçados de extinção

1 - Musaranho-pigmeu
Com filhotes que nascem do tamanho de uma abelha, o musaranho-pigmeu é o menor mamífero terrestre conhecido no mundo. No outro extremo, aparece a lendária baleia-azul, que atinge até 35 metros. Encontrado em campos, florestas e vales da Europa mediterrânea e também na África, esse roedor tem apenas 52 mm de comprimento, uma cauda de 30 mm e dentes afiadíssimos (30 ao todo). Apesar de pequeno, é valente e agressivo, "exalando" um cheiro forte para se proteger de predadores. Se exposto muito tempo ao sol, pode morrer. Por isso, o musaranho-pigmeu escolhe pedras, raízes e lugares sombreados para se abrigar.

2 - Quinn: a tartaruga de 1 grama
Ela pesa quase três vezes menos que uma moeda de 5 centavos, mas sua fama está longe de ser minúscula como suas dimensões. Com apenas 1,22 gramas, a pequena tartaruga almiscarada (Sternotherus odoratus) encontrada pela Ong americana Pacific Northwest Turtleworks foi parar no Facebook. A equipe de conservacionistas realizou ontem uma enquete na rede social para escolher um nome para o animalzinho, que foi batizado de “Quinn”.

3 - Uma rã de 7 milímetros
Não bastasse caber com folga numa tampinha de creme dental, a rã Paedophryne amauensis é o menor vertebrado do mundo, atingindo na fase adulta um comprimento entre 7 e 8 milímetros. Foi através de seu coaxar estridente (mais parecido com o de um inseto do que de um sapo) que uma equipe de pesquisadores da Universidade de Lousiana conseguiu achá-lo, perdido entre um montinho de folhas caídas numa floresta em Nova Guiné. A descoberta foi revelada em janeiro em um artigo publicado na revista científica PLoS On.

4 - Camaleão Brookesia micra
Um centímetro do nariz até a ponta da cauda. Esse é comprimento da Brookesia micra, uma das quatros menores espécies de camaleão já catalogadas, que foram encontradas no começo do ano, em Madagascar. O tamanho do animal não ultrapassa uma unha humana. Como os demais camaleões, ele preserva a capacidade de se camuflar entre folhas e gravetos e alimenta-se principalmente de pequenos insetos, como aranhas e grilos. Apesar de ser quase “invisível” no meio da natureza, ele está ameaçado de extinção, tanto pela degradação de seu habitat quanto por ser alvo de comércio ilegal em Madagascar.

5 - A menor ave é um beija-flor
Quem olha de longe seu par de asas batendo a mil por hora sobre um punhado de flores, pode até confundir o menor pássaro do mundo com um besouro corpulento. Com apenas 5 centímetros de comprimento e pesando aproximadamente 1,8 gramas, o beija-flor abelha ou Zunzuncito (Mellisuga helenae) é uma espécie de ave endêmica de Cuba e Isla de la Juventud. Comilão, alimenta-se de néctar e pequeninos insetos, podendo visitar até 1,5 mil flores por dia. Usando pedaços de teias de aranha, cascas e líquens, a fêmea constrói um ninho de cerca de 2,5 cm de diâmetro, e nele acomoda seus ovos, que são do tamanho de ervilhas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...