Friday, December 14, 2012

A vitamina do Sexo - Vitamina B3

O que você come pode revelar a qualidade do sexo que você pratica diz nutricionista.
Alimentos ricos em vitamina B3 são fortes aliados de uma vida sexual saudável e mais ativa, garante Renata Gonçalves, do Grupo de Nutrição Humana (Ganep). Sexólogo diz que a alimentação é importante, mas faz ressalvas.

"Uma alimentação inadequada pode trazer prejuízos para a atividade sexual, uma vez que alguns nutrientes podem alterar a produção de hormônios, além de acentuar a tensão pré-menstrual (TPM) nas mulheres, por exemplo”, afirma a nutricionista.

Defensora da vitamina B3, Renata lembra que além de garantir melhor qualidade do sexo, ela ajuda a manter a pele saudável e beneficia os sistemas digestivo e nervoso. Também é indicada para tratar problemas circulatórios, pois ela dilata os vasos sanguíneos, fazendo com que o fluxo de sangue aumente em todo o corpo, inclusive nos órgãos sexuais.

Os nutrientes ligados aos hormônios sexuais são zinco, óleos ômega 3,6 e 9, magnésio e os bioflávonóides. Ainda segundo Renata, para intensificar o desejo sexual a alimentação deve conter pouco açúcar e gorduras saturadas. Ingerir carboidratos integrais como massas, pães e arroz, carnes magras, frutas, vegetais e legumes ajudam a melhorar o desempenho de homens e mulheres, afirma Renata.
A tireóide, uma glândula que regula a produção de energia e o metabolismo, depende do iodo e de vitaminas do complexo B, particularmente a tiamina e o ácido pantotênico. A função testicular é fundamental para a produção de testosterona, o hormônio mais importante para o desejo sexual nos homens.

Os hormônios androgênicos produzidos pelas adrenais mantém a atividade testicular e participam do desenvolvimento sexual masculino.

A vitamina E e o zinco podem ser dois elementos fundamentais quando se fala em energia sexual. As vitaminas A, E e o ácido fólico, assim como os ácidos graxos essenciais, são importantes para a produção do sêmen.

Os minerais cálcio, magnésio, zinco e enxofre, além da vitamina B12, inositol e vitamina C, são encontrados no esperma de pessoas saudáveis e podem desempenhar papel importante na fertilidade.

O sexólogo Arnaldo Risman, da universidade da Terceira Idade da UERJ, no entanto, lembra que é necessário, quando se fala de sexo, avaliar cada caso, individualmente. “A vitamina B3 não faz nenhum milagre. Se a pessoa reclama da falta do desejo sexual, o melhor a fazer é procurar um médico”, afirma.

As principais fontes da vitamina B3 são: amendoim; castanha do Pará; levedura; fígado; aves; carnes magras; leite; ovos; frutas secas; cereais integrais; brócolis; tomate; cenoura; abacate e batata doce. As quantidades diárias para são de 15 mg para as mulheres e 19 mg para os homens.

A falta de vitamina E, pode diminuir a produção de hormônios, e consequentemente a libido e o desempenho.

O colesterol tem papel fundamental na produção de hormonlal. No entanto, alimentação rica em gordura e açúcar pode causar obesidade, problemas circulatórios e, prováveis falhas no desempenho.

Fica a sugestão, coma colorido e assegure equilíbrio hormonal e atividade sexual saudável.


Fonte: www.maisde50.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...