Friday, November 9, 2012

Você conhece a história do bacalhau?

O bacalhau, mundialmente apreciado, tem origem milenar e já no século IX existiam fábricas para processamento do peixe na Islândia e na Noruega.
Considerados pioneiros na descoberta da iguaria, os vikings costumavam secar o peixe ao ar livre até que perdesse a quinta parte do seu peso, assim ele endurecia como uma tábua e podia ser consumido nas longas viagens marítimas.

Já o início do comércio de bacalhau é atribuído aos bascos, que habitavam as duas vertentes dos Pirineus Ocidentais, ao lado de Espanha e França. Existem registros que no ano 1000 eles já realizavam comércio de bacalhau curado, salgado e seco.

Como na época os alimentos estragavam muito facilmente pela precariedade de conservação, o bacalhau surgiu como uma revolução. O método de salgar e curar o alimento, facilitado no bacalhau devido ao baixíssimo teor de gordura e à alta concentração de proteínas do peixe, além de garantir sua perfeita conservação, mantinha todos os nutrientes e ainda apurava o paladar.

Um produto de tamanho valor logo despertou o interesse dos países com frotas pesqueiras. Em 1510, Portugal e Inglaterra firmaram um acordo com a França para a exploração do peixe. Já em 1532 o controle da pesca do bacalhau na Islândia fez deflagrar um conflito entre ingleses e alemães que ficou conhecido na história como “Guerra do Bacalhau”. 

Mais tarde, em 1585, viria a ocorrer outro conflito entre os ingleses e os espanhóis. Por essa razão, ao longo dos séculos vários foram os acordos assinados entre os países para regular os direitos de pesca e comercialização do bacalhau.

Hoje, totalmente incorporado à diversas culinárias, o bacalhau é altamente apreciado, ainda mais durante as festividades de Páscoa. No Brasil, todos os nobres restaurantes servem o prato e o bolinho de bacalhau é preferência nacional.

Se você ficou com água na boca só de ler sobre a delícia que é o bacalhau, faça já essa receita tradicional e deliciosa que trouxemos para você. Junto das azeitonas e do azeite e oliva La Violetera, o seu peixe vai ficar irresistível. Experimente!

Ingredientes:

•    2kg de bacalhau
•    500 ml de leite
•    16 batatas pequenas
•    16 cebolas pequenas
•    100 g de azeitonas verdes sem caroço La Violetera
•    1 pimentão verde
•    1 pimentão vermelho
•    1 pimentão amarelo
•    350 g de tomates tipo italiano
•    2 ovos cozidos
•    5 dentes de alho
•    Molho de pimenta
•    300 ml de azeite de oliva
•    salsinha picada

Modo de preparo:

Dessalgue o bacalhau em 48 horas, trocando a água a cada 6 horas, sempre na geladeira. Escalde as postas de bacalhau em água quente, com uma porção de leite. Não deixe ferver.
Escorra e tempere as batatas em água com pouco sal, retire quando ainda estiverem firmes. Escorra e corte-as na metade. Ainda quentes tempere com molho de pimenta e reserve.
Cozinhe as cebolas até estarem macias, escorra e tempere com molho de pimenta ainda quente. Reserve.

Em um refratário, coloque porções de bacalhau, cebolas, batatas, pimentões cortados em xadrez, azeitonas, alho em dentes, salsinha picada e regue com azeite. Decore com os tomates e os ovos cortados em quatro partes. Cubra com papel alumínio e leve ao forno bem quente por 30 minutos. Quando o azeite estiver borbulhando, a receita estará pronta.
Retire o papel, deixe dourar e sirva a seguir. Rende até 16 porções.


Bom apetite!


Fonte: Lavioletera
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...